Topo
Blog Olhar Olímpico

Blog Olhar Olímpico

Ginástica anuncia time do Pan com Flavinha e Jade

Demétrio Vecchioli

17/07/2019 20h21

Equipe brasileira de ginástica que vai ao Pan com Carolyne Pedro, Lorrane Oliveira, Thais Fidélis, Jade Barbosa e Flavia Saraiva (divulgação/CBG)

A três dias da viagem para Lima, a Confederação Brasileira de Ginástica (CBG) finalmente anunciou a lista de convocadas da ginástica artística feminina para os Jogos Pan-Americanos. Sem Rebeca Andrade, principal atleta do país, que recentemente passou por cirurgia no ligamento cruzado anterior, o time terá como estrelas Flavia Saraiva e Jade Barbosa. A convocação do masculino deve ser anunciada na quinta (18).

LEIA MAIS:

+ Polinésia Francesa e outras 4 regiões concorrem por surfe em Paris-2024

+ Brasil vai levar maior delegação da história ao Parapan

+ CBJ cancela Grand Slam em Brasília e cria dor de cabeça com parceiros

A equipe feminina de ginástica artística é uma das primeiras a competir pelo Brasil no Pan, no dia 27, sábado, e também será a primeira a chegar a Lima, no próximo domingo, dia 21. As atletas já estavam inscritas pelo Comitê Olímpico do Brasil (COB), mas a comissão técnica optou por manter em sigilo a escalação.

Precisando terminar entre as oito primeiras colocadas do Mundial, na primeira semana de outubro, para conseguir a vaga olímpica, o Brasil vai usar o Pan como teste. Por isso, vai levar força máxima a Lima. Além de Flavinha e Jade, a equipe terá Lorrane Oliveira,  Thaís Fidélis, Carolyne Pedro.

Dessas três, Lorrane, de 21 anos, é a mais experiente. Esteve na equipe que ganhou bronze no Pan de Toronto, em 2015, e disputou os Jogos Olímpicos do Rio, em 2016. Thaís Fidélis tem 17 anos e se tornou, em abril, a primeira brasileira a ganhar medalha no individual geral em uma etapa de Copa do Mundo. As duas estiveram no Mundial do ano passado, com Flavinha, Jade, Rebeca e Anna Julia Reis. 

Para o Pan, que só permite a inscrição de cinco atletas, sai Anna Julia e entra Carolyne Pedro, de 19 anos. "O objetivo da temporada é a classificação para os Jogos Olímpicos e diante disso, o Pan-Americano, além de uma competição muito importante para nós, faz parte desse processo de preparação. O grupo está preparado para dar mais esse passo em busca da classificação olímpica", comentou o técnico Francisco Porath Neto. 

A competição de ginástica artística feminina começa no dia 27, sábado, logo na manhã seguinte à Cerimônia de Abertura. O Brasil se apresenta à noite, a partir das 22h30 (pelo horário de Brasília), em busca da medalha por equipes e de classificação às finais: do individual geral (dia 29) e dos aparelhos (dias 30 e 31), sempre à tarde.

Sobre o autor

Demétrio Vecchioli, jornalista nascido em São Roque (SP), é graduado e pós-graduado pela Faculdade Cásper Líbero. Começou na Rádio Gazeta, foi repórter na Agência Estado e no Estadão. Focado na cobertura olímpica, produziu o Giro Olímpico para o UOL e reportagens especiais para a revista IstoÉ 2016. Criador do Olimpílulas, foi colunista da Rádio Estadão e blogueiro do Estadão, pelo qual cobriu os Jogos do Rio-2016.

Está disponível para críticas, elogios e principalmente sugestões de pautas no demetrio.prado@gmail.com.

Sobre o blog

Um espaço que olha para os protagonistas e os palcos do esporte olímpico. Aqui tem destaque tanto os grandes atletas quanto as grandes histórias. O olhar também está sobre os agentes públicos e os dirigentes esportivos, fiscalizados com lupa.