PUBLICIDADE
Topo

Olhar Olímpico

COB derruba decisão do TCU e confederações devedoras poderão receber verba

Demétrio Vecchioli

05/12/2018 17h09

O Comitê Olímpico do Brasil (COB) conseguiu uma importante vitória nesta quarta-feira. O Tribunal de Contas da União (TCU) emitiu certidão suspendendo temporariamente os efeitos do acórdão 2.648, de duas semanas atrás. Com isso, fica suspensa a decisão que proíbe o COB de repassar recursos da Lei Agnelo/Piva para entidades cadastradas no Cepim, um cadastro de entidades que têm débitos com a União.

Com contratos no fim, handebol e natação podem ficar sem patrocinador

+ De saída, gestão França esvazia cofre do esporte com eventos 'fantasmas'

O COB tinha interesse em derrubar o acórdão porque o próprio comitê foi inicialmente prejudicado pela decisão dos ministros do TCU. Pelo acórdão, a Caixa Econômica Federal deveria ser notificada para suspender os repasses ao COB, também cadastrado no Cepim. E, o COB, por sua vez, deveria suspender qualquer repasse às confederações inadimplentes com o governo federal.

Mas, antes mesmo de a Caixa suspender os repasses, o COB preferiu solicitar ao Ministério do Esporte as guias para que pudesse pagar todo o valor contestado em seis convênios firmados em 2008. De uma só vez, pagou mais de R$ 2 milhões em dívidas que dizia não reconhecer. Preferiu isso a ter os repasses suspensos.

Nesta quarta, a suspensão da decisão do TCU foi obtida pelo escritório do advogado Wladimyr Camargos, de acordo com o COB. Entre as beneficiadas estão as confederações de handebol (CBHb), wrestling (CBW) e desportos aquáticos (CBDA), que estão cadastradas no Cepim.

Sobre o autor

Demétrio Vecchioli, jornalista nascido em São Roque (SP), é graduado e pós-graduado pela Faculdade Cásper Líbero. Começou na Rádio Gazeta, foi repórter na Agência Estado e no Estadão. Focado na cobertura olímpica, produziu o Giro Olímpico para o UOL e reportagens especiais para a revista IstoÉ 2016. Criador do Olimpílulas, foi colunista da Rádio Estadão e blogueiro do Estadão, pelo qual cobriu os Jogos do Rio-2016.

Está disponível para críticas, elogios e principalmente sugestões de pautas no demetrio.prado@gmail.com.

Sobre o blog

Um espaço que olha para os protagonistas e os palcos do esporte olímpico. Aqui tem destaque tanto os grandes atletas quanto as grandes histórias. O olhar também está sobre os agentes públicos e os dirigentes esportivos, fiscalizados com lupa.