Topo
Blog Olhar Olímpico

Blog Olhar Olímpico

Crise faz Argentina retirar candidatura, e Santiago será sede do Pan-2023

Demétrio Vecchioli

21/04/2017 19h17

Gerardo Werthein, presidente do Comitê Olímpico Argentino

Os Jogos Pan-Americanos de 2023 já têm local para acontecer: a cidade de Santiago, capital do Chile. Única adversária na disputa que começou no início deste ano, a argentina Buenos Aires anunciou nesta sexta-feira que está desistindo da eleição.

Em nota, Gerardo Werthein, presidente do Comitê Olímpico Argentino (COA) disse que a capital argentina está "postergando" sua candidatura, que agora será pelo Pan de 2027. "Essa é uma decisão conservadora, prudente e cuidadosa. O entusiasmo está intacto, mas temos que ser realistas. Temos quatro anos para respirarmos um pouco e levar adiante isso que realmente nos apaixona", afirmou.

De acordo com o comitê argentino, a candidatura foi apresentada em janeiro à ODEPA, a Organização Desportiva Pan-Americana, por meio de uma carta de intenções. Mas logo se notou que a vila olímpica que está sendo construída para os Jogos Olímpicos da Juventude, no ano que vem, precisará ser entregue logo depois do evento. Assim, não poderia servir de Vila Pan-Americana. E o custo de uma vila nova seria inviável até 2023.

Como foi a única cidade a apresentar sua carta de intenção, Santiago será apontada como sede do Pan de 2023, a não ser que também venha a retirar sua candidatura. A cidade chilena vem se preparando para esse pleito desde que decidiu receber os Jogos Sul-Americanos, em 2014.

Já Buenos Aires tem tentado se vender como uma capital esportiva. A cidade receberá os Jogos Olímpicos da Juventude, enquanto a Argentina concorre pela Copa do Mundo de Rugby de 2027 e o Mundial de Basquete de 2023.

 

Sobre o autor

Demétrio Vecchioli, jornalista nascido em São Roque (SP), é graduado e pós-graduado pela Faculdade Cásper Líbero. Começou na Rádio Gazeta, foi repórter na Agência Estado e no Estadão. Focado na cobertura olímpica, produziu o Giro Olímpico para o UOL e reportagens especiais para a revista IstoÉ 2016. Criador do Olimpílulas, foi colunista da Rádio Estadão e blogueiro do Estadão, pelo qual cobriu os Jogos do Rio-2016.

Está disponível para críticas, elogios e principalmente sugestões de pautas no demetrio.prado@gmail.com.

Sobre o blog

Um espaço que olha para os protagonistas e os palcos do esporte olímpico. Aqui tem destaque tanto os grandes atletas quanto as grandes histórias. O olhar também está sobre os agentes públicos e os dirigentes esportivos, fiscalizados com lupa.